Operação 45 graus: Mais de 250 armas de fogo apreendidas e mais de dois mil cidadãos detidos

A Polícia Nacional apresentou ontem, segunda-feira, 13, na Unidade Operativa o balanço dos 45 dias da Operação 45 Graus que teve abrangência Nacional.

Por: NMC

De acordo com o director de operações e segurança pública da Polícia Nacional, Orlando Bernardo dois mil e 104 cidadãos foram detidos pela Polícia Nacional de Outubro a Novembro deste ano, nas 18 províncias do país, por suposto envolvimento em vários crimes.

Durante a operação, as forças da ordem  apreenderam 266 armas de fogo e recuperaram 385 viaturas e mil e 694 motorizadas. Foram esclarecidos 327 processos-crime, que resultaram na detenção de 296 cidadãos, dos quais quatro estrangeiros implicados nos crimes de associação criminosa, rapto, sequestro e roubos nas províncias de Luanda, Cabinda e da Lunda Norte.

A operação, permitiu o desmantelamento de 161 grupos de marginais, compostos por 276 elementos, com destaque para “Os Tribais Decentes”, “Vagão Dance”, “Mil e Cem Bicos”, “Gang of Music”, “Mal Máfia”, “Os Homens Aranha” e “Os Dupla Panda”.

No quadro dos 431 mandados de captura emitidos, foram detidos 489 cidadãos, na sua maioria na província de Luanda.

A operação “45 Graus” teve como objectivo reduzir a criminalidade violenta no país, sobretudo praticada com recurso a armas de fogo.

Redução de crimes violentos

Orlando Bernardo fez saber que a redução de crimes violentos em todo o país, está na ordem de 22%. Foram apreendidas 385 viaturas, 1.694 motorizadas e outros meios diversos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *